FARINHA DE ARROZ

Você sabia que existem três tipos de farinha de arroz?

Os tipos básicos de farinha de arroz têm as seguintes características:

1 – Farinha de arroz comum ou crua – Que é a farinha obtida pela moagem pura e simples de grãos quebrados de arroz.

2 – Farinha de arroz estabilizada – É a farinha feita a partir de grãos quebrados de arroz recém beneficiado. Esta farinha passa por um processo térmico onde é processada a estabilização enzimática da mesma. É a farinha que a Nestle utiliza em seus produtos.

3 – Farinha de arroz pré-gelatinizada ou pré-cozida – É a farinha produzida a partir de grãos quebrados de arroz que sofrem processo de extrusão ou tratamento infravermelho que provoca a pré-gelatinização do amido. Esta farinha é utilizada como espessante e melhorador de aparência e textura de muitos alimentos como por exemplo molhos, sopas enlatadas, recheio de tortas etc., sendo favorecida por seu sabor neutro e aparência clara.

Existe ainda no Japão um processo de moagem ultra fina que gera a chamada farinha de arroz solúvel. Um processo de lecitinação pode tornar a solução água/farinha de arroz estável.

A farinha de arroz é excelente como carga em diversos alimentos por ter sabor suave, quase imperceptível.

O preço final de cada farinha esta na proporção do grau de processamento que a mesma passa, ou seja, uma farinha crua é mais barata que a farinha estabilizada e esta mais barata que a farinha pré-gelatinizada.

Esta proporção é valida também em relação ao investimento necessário a uma planta industrial.

Da farinha de arroz se pode partir para produtos de maior valor agregado, como uma farinha hiper protéica de arroz, leite de arroz, glucose , sobremesas como pudins, cremes etc.

Pode-se partir para bebidas a base de arroz, como temos hoje bebidas a base de soja. Um produto valioso para quem tem problemas com lactose (açúcar do leite) e muito tradicional em vários países. É mais um produto para linhas de sucos e bebidas lácteas.

O processo se caracteriza pelo recebimento e limpeza dos grãos quebrados ou inteiros de arroz. Estes deve ter sido beneficiados no dia para manter sua qualidade. A presença de cascas, outras sementes ou impurezas desclassifica a farinha como um produto de boa qualidade para consumo humano. (Pontos pretos)
Para a produção de farinha de arroz pré gelatinizada, ou pré cozida, devemos passar os grãos por um processo de extrusão controlada. Este processo inicial é o mesmo utilizado para obtenção de farinha de rosca ou Breadings.

Os grânulos assim obtidos, passam então por um processo de moagem em moinho de discos.
Moagem de farinha de arroz:

Fonte: Fonte: http://www.argus.com.br/

MINHA RECEITA DE FARINHA DE ARROZ FEITA EM CASA CLIQUE AQUI FARINHA DE ARROZ
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Ocorreu um erro neste gadget